Panebianco & Del Mónaco | Orquestra ARTAVE

Estreia mundial do concerto nº 4 de Alfredo Panebianco  dedicado à Cidade de Santo Tirso e ao Festival Internacional de Guitarra.

Alfredo Panebianco nasceu em Guanabacoa (Cuba), um bairro com uma forte tradição cultural, marco da música ritual afro-cubana, terra de trovadores, onde cresceu entre as músicas do lendário “Bola de Nieve” e as noites “Rumba de Cajón” em bulliciosos “Solares Habaneros”.

Começou os estudos musicais aos 5 anos, culminando no Instituto Superior de Arte de Havana, Cuba. Para além da música clássica, a sua formação  sofreu influências do jazz latino, música brasileira, flamenco e, especialmente, da grande variedade de ritmos e inflexões melódicas da tradição afro-cubana, as quais manifestam um impacto relevante  no seu trabalho.

Reconhecido como um dos maiores expoentes da mundialmente famosa escola cubana de guitarra clássica, a sua natureza inquieta leva-o a uma busca incessante por novas sonoridades e os meios de expressão que o conduziram à criação do seu próprio estilo, uma forma única de aproximação à música cubana através da guitarra. A sua música percorre dois mundos, “o clássico” e “o popular”. Desta mistura nasce o seu trabalho, carregado de cor caribenha e sobriedade clássica, da velha Europa.

Em 2001, estreou o  CONCERTO LATINO 1 para guitarra e orquestra no Cemal Resit Rey Konser HALL Istambul com Orquestra Filarmônica da Cidade. Após o estrondoso sucesso deste trabalho, Panebianco compôs PHANTASY CARIBE encomendado pela Rádio Catalã, CONCIERTO ISTAMBUL (2003), MILLI REASSURANS para orquestra de câmara e SAINT VALENTINE’S DAY CONCERTO (2004) encomendado pela Orquestra Filarmónica de Istambul. Em 2005, estrearam o musical “MULATA”, composto por Panebianco, em Florença, na Itália.

Vania Del Monaco nasceu em Londres, começou a tocar guitarra aos 7 anos e com apenas 16 anos ganhou o Prêmio Memorial Helen Goodworth, outorgado pelo Festival de Música Oxford e foi nomeada “Jovem Músico do Ano” na Inglaterra; desde então sido continuamente elogiada pelos críticos mais especializados e por figuras da estatura de Alicia de Larrocha.

Em 1997 criam o Panebianco & Del Monaco Ensemble, tendo difundido a sua arte em diferentes latitudes do planeta, destacando-se as suas apresentações nos EUA, Japão, Reino Unido, Taiwan, Suíça, Suécia, Dinamarca, Noruega, Itália, Espanha, Alemanha, Áustria, França, Polônia, Republica Checa, Grécia, Portugal, Malta, Turquia, Marrocos, Coreia do Sul, Venezuela, Chile, México, Cuba, Jamaica, Guiana e República Dominicana e em salas  como o Kleinhans Music Hall- Nova York, Minato Mirai Concert Hall em Yokohama, Seoul Art Center, em Seul, Com o Lutoslawski Hall em Varsóvia, Auditório Nacional de Música em Madrid, Cemal Resit King Konsert Hall e a Filarmônica do Estado de Istambul em Istambul, Teatro Interkult em Viena, considerados apenas os mais importantes

O prestigiado crítico polaco Andrzej Molik escreveu: “Fomos capazes de experimentar a sensação de que Panebianco & Del Monaco transportou-nos para o paraíso com a sua música maravilhosa, não precisava de mais nada para ser feliz: os nossos desejos mais secretos foram cumpridos. O duo juntou Arte e Vida e, em exaltação, fomos capazes de nos entregar totalmente a esta unidade”.

A reserva online de bilhetes para este concerto está oficialmente encerrada!
Poderão ainda existir vagas disponíveis no próprio dia e local do concerto.

Ligue 252 808 830 se necessitar de informações adicionais.
Obrigado!